logo colégio motivo

Redação dissertativa: como fazer? Confira 8 dicas incríveis!

Aluna do Motivo preparando-se para fazer redação dissertativa

Redação dissertativa: como fazer? Eis uma dúvida de muitos jovens que pretendem tirar uma boa nota no Enem ou passar no vestibular. Vale lembrar que o peso máximo da redação é de 1.000 pontos e equivale a 50% da nota total do Exame Nacional do Ensino Médio.

Além disso, não apenas no Enem mas também em outros vestibulares e processos seletivos, a redação pode corresponder a uma porcentagem alta do total de pontos da prova. Por isso, é importante que você consiga escrever uma boa redação dissertativa e garantir a melhor nota global possível!

No post de hoje, queremos explicar a você como fazer uma boa redação para tirar nota máxima no Enem ou no vestibular! Leia e aprenda!

Afinal, o que é uma redação dissertativa?

É normal que alguns jovens ainda não saibam como fazer uma redação dissertativa. Por outro lado, outros podem não saber exatamente do que se trata.

Alguns processos seletivos tanto concursos quanto vestibulares aplicam prova com questões de múltipla escolha e questões abertas. Na etapa aberta da prova é que você terá de discorrer sobre o assunto com as suas palavras. No caso do Enem e de alguns vestibulares, não há essa fase de questões abertas, assim, a redação é um meio de substituí-la.

O objetivo é avaliar a capacidade do candidato de argumentar temas gerais de forma estruturada e consistente. Por meio da redação, é possível avaliar, também, o seu nível de maturidade e seus conhecimentos gerais habilidades que não podem ser avaliadas com precisão por meio das questões de múltipla escolha.

Nova call to action

Redação dissertativa: como fazer um planejamento?

Assim como para tudo na vida, antes de começar a escrever uma redação dissertativa é preciso fazer um planejamento. Não basta, simplesmente, ir colocando no papel tudo aquilo que vier à sua “cabeça”.

Você precisa rebuscar em sua memória as informações que já sabe sobre o assunto para, então, reunir as ideias de forma organizada. Uma maneira útil de se planejar é dividir a folha de rascunho em três partes:

- de 5 a 8 linhas para a introdução;

- de 7 a 10 linhas para o desenvolvimento;

- aproximadamente 5 linhas para a conclusão.

Ter em mente essa estrutura torna mais fácil a sua tarefa de “encaixar” as ideias mais relevantes no limite máximo de linhas. Tire como exemplo o Enem, que exige, no máximo, 30 linhas. Para alguns, isso pode parecer muito, já para outros, a tarefa de resumir seus conhecimentos nesse curto espaço pode desfavorecer a coerência e a coesão dos seus argumentos.

Agora que você já sabe o que é uma redação dissertativa, como fazer o planejamento e já reuniu algumas ideias, veja as 8 dicas que temos para arrasar na escrita e passar no Enem!

1. Tenha atenção quanto às instruções dadas

O primeiro passo para fazer uma boa redação é ler e reler as instruções que lhe são dadas antes de começar a escrever. Por exemplo: geralmente, nas redações dissertativas, pede-se a escrita na 3ª pessoa do singular, porém alguns processos permitem que se escreva na 1ª pessoa. Isso sempre estará detalhado nas instruções para a produção da redação.

Mesmo que você já esteja por dentro de todas as informações necessárias sobre a redação, é sempre muito importante que as leia com bastante atenção.

2. Faça um esquema

Muitas vezes, você até possui inúmeras informações, mas acontece que não sabe por onde começar a colocá-las no papel. Pode ser também que você não consiga “amarrar” as ideias umas às outras ou achar algo que as ligue para tornar seu texto coeso.

Fazer esquemas é um método útil para organizar melhor os pensamentos soltos e ter um direcionamento para iniciar a sua escrita. Eles podem ser feitos por meio de balões, de setas, de listas etc.

3. Não faça uma introdução muito longa

No tópico “Redação dissertativa: como fazer um planejamento”, você viu que, na estrutura da redação do Enem, 5 linhas são reservadas à introdução. Portanto, ao iniciar a sua redação, vá direto ao ponto, não delongue o assunto nessa parte. 

Introduza seu texto de forma concisa, mas que chame a atenção do leitor e o contextualize. Estabeleça a tese que defenderá sobre o assunto abordado. 

4. Aprofunde o desenvolvimento

Já que você terá de 7 a 10 linhas para desenvolver o assunto que lhe foi proposto, o ideal é dividir essa parte em dois parágrafos. Esse é o espaço que você terá para argumentar e defender a tese proposta na sua introdução. O objetivo desses argumentos é que o leitor seja convencido da posição que o seu texto toma sobre o tema proposto.

5. Conclua com um resumo e uma proposta de intervenção

Pronto! Você já propôs a sua tese na introdução, expôs seus argumentos no desenvolvimento, aprofundando e problematizando o assunto, agora, é chegada a hora de concluir o seu texto.

Não insira novos argumentos na conclusão, apenas relacione os que você já abordou com a sua tese e proponha uma solução para o problema também conhecida como proposta de intervenção.

6. Cite dados relevantes sempre que possível

Valer-se de dados a respeito do assunto proposto para a redação é ponto a seu favor, pois demonstra que você se baseia em fatos empíricos que comprovam e defendem seus argumentos no desenvolvimento. Além disso, citar dados confiáveis e relevantes pode dar mais credibilidade à tese que você propôs na introdução.

Dica: algumas questões da prova também podem conter informações que ajudem você na redação, fique atento!

7. Aproveite ao máximo os textos motivadores

Os textos motivadores ou textos de apoio sempre trazem informações valiosíssimas para a construção da sua redação dissertativa. Como as próprias denominações já dizem, eles têm a função de lhe nortear na hora de escrever seu texto. Além disso, será deles que você conseguirá extrair os dados ou fontes confiáveis para citar no desenvolvimento da sua redação.

8. Aprenda a administrar seu tempo

Saber administrar o tempo durante a prova também é muito importante. A maioria dos professores orienta que os estudantes reservem em torno de 1h30min para escreverem suas redações. Outra dica é começar a prova do Enem pela redação e depois fazer a parte objetiva, pois a escrita consumirá grande parte da sua energia.

Uma forma eficaz de aprender a administrar o seu tempo de prova é treinar por meio de simulados.

Agora que você tem a resposta para a sua dúvida redação dissertativa: como fazer? e todas essas dicas incríveis, temos a certeza de que escreverá um texto nota 1.000!

Quer ser nota 1000 na prova do Enem como um todo? Então, confira o nosso post com 7 dicas fundamentais para arrasar na prova!

Quero saber dicas para o Enem!

Postado porColégio Motivo

Postado em7 de junho de 2021


Palavras chave:

Blog do Anglo

Ver todasclique para conhecer mais
receba nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba as últimas novidades por e-mail

entre em contato

Entre em contato

Entre em contato que nós iremos responder assim que possível.

Conheça nossas unidades

Copyright © | - Todos os Direitos Reservado por

Termos de Uso|Politica de Privacidade